I think I might try that, sir.

 

No pais em rede estão a promover “oficinas de pais”, de diferentes níveis e propósitos e que visam, sobretudo, estimular o diálogo entre pais, mediando-o com a inclusão de uma técnica (para que a coisa não descambe numa espécie de distúrbio emocional contínuo só passível de ser atingido através da leitura grupal d’ “a cabana do pai Tomás”, por exemplo), sobre a parentalidade de crianças deficientes e tutti quanti possa orbitar à volta deste conceito. Eu vou ver se ainda vou a tempo de ir, porque apostamos as fichas todas nas terapias para os mais pequenos e não raramente descuramos a nossa própria saúde neuronal, comprometendo, mesmo que com as melhores intenções do mundo, a possibilidade de sermos (mais) felizes.

Publicado em autismo. 1 Comment »

Uma resposta to “I think I might try that, sir.”

  1. GAE – Grupos de Apoio Emocional « Trabalho de Casa Says:

    […] Sábado estive presente no GAE, do qual já tinha postado aqui uma pequena notícia. É um grupo de apoio dinamizado pelo pais em rede e pretende preencher a lacuna que apontei no […]


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: